outubro 30, 2009

Fóruns e foras...

Por volta de 1996 eu tive meu primeiro contato com algo que me atrevo a classificar como um fórum, a página de discussões da Revista Eletrônica @qua [www.aqua.brz.net era a url da revista], foi lá onde tive minhas primeiras impressões em termos de troca de experiência pela internet, a internet ainda era muito restrita. Desta época uma caixa com páginas e páginas impressas do site ainda existe aqui em casa em algum lugar. O conteúdo, conforme conferi ano passado, ao achar a tal caixa, continua muito superior ao que se pode encontrar pela net hoje.

A internet mudou, cresceu e expandiu o seu público rapidamente, surgiram novas opções e logo em seguida eu conheci a Era de Aquários e o seu fórum movimentadíssimo desde então. No começo não havia os recursos que temos hoje, não havia essa quantidade enorme de informação disponível. Uma página com bom conteúdo era (ainda é) um tesouro, afinal não tínhamos o Google naquela época. As páginas de busca eram diretórios, coisa que a molecada de hoje nem deve saber o que é.

A experiência inicial me deixou fascinado, pessoas que nunca me viram trocando experiência comigo e desmistificando um mundo novo pra mim: o aquarismo moderno. A resistência inicial foi inevitável, afinal era um mundo todo que ia pelo ralo, literalmente. A internet pra mim em termos de aquarismo foi a minha iluminação, isso não é exagero.

Infelizmente hoje não posso dizer o mesmo, as vezes participar de fóruns é enfadonho, chato mesmo... Chegando a ser irritante. Não que eu esteja cansado dos fóruns, afinal ainda tem muita gente boa. O grande problema é a quantidade absurda de pessoas que vão apenas matar o tempo e falar besteira, entupindo as salas com postagens e mais postagens absolutamente inúteis. O mais engraçado é que essa turma se sente tão a vontade que se o fórum fosse uma casa eles estariam deitados no sofá ou vendo TV com os dois pés sobre a mesinha de café. Isso é absurdo.

Às vezes até parece que a internet está "enburrecendo" as pessoas tal é o nível mental que podemos supor pelo teor das mensagens, isso quando conseguimos pelo menos ler e compreender o que o cidadão escreveu. Sem esquecer o fato de que postar um link já é até considerado um insulto, fato este que me espantou quando ao responder uma mensagem com um link o moleque me respondeu dizendo "se não vai responder não atrapalhasse a dúvida"... Dá pra crer?

Saudade do tempo que se conversava e trocava-se experiência e não abobrinhas, saudade do tempo em que um fórum era um ambiente cordial e formal ao seu modo e não um playgroud de desocupados mimados.Viva o MSN, por que pelo menos ali podemos conversar em paz.

.

outubro 19, 2009

Aquapixx por Chris Lukhaup

Dos muitos amigos que o aquarismo me trouxe vários compartilham outras paixões em comum. Uma dessas paixões em comum, claro, é a fotografia.

Um aquário por mais bonito que ele seja e por mais controlado que possa ser não passar de um momento, um momento ínfimo de existência, assim como o Grand Canion ou a Chapada Diamantina são apenas um breve momento na história do tempo. Pode nos parecer uma eternidade se comparado com nossas vidas, pois afinal a duração média da vida humana sempre será a medida de tempo que teremos como referência, mas o que é um momento para quem vive apenas uma semana? ou 24hs? Bom, nunca saberemos de fato além das impressões que nós temos de nossas próprias vidas e de seus pequenos e grandiosos momentos únicos.



Preservar um momento, uma lembrança, uma recordação acompanham a humanidade desde o seu início, ou desde quando a humanidade começou a ser humanidade, os registros pré históricos mundo a fora, ou bem ali no Piauí, são um exemplo significativo da tentativa humana de preservar um fato, uma história vivida, um momento além do tempo de nossas breves existências.

A fotografia é o modo moderno e atualmente mais acessível de conseguir imortalizar, ou pelo menos fazer perdurar por um tempo, este momento especiais. Nada mais natural então que fotografia e aquarismo sejam duas paixões que caminhem lado a lado de forma tão frequente hoje em dia.

Deixando o papo pseusofilosófico de lado, vamos ao que interessa, gostaria de compartilhar com vocês o link que recebi do Erivaldo Casado e que me fez passar uma boa hora de olhos grudados no meu monitor. Sras e Srs, com vocês o espetáculo visual de Chris Lukhaup. Links abaixo:


As imagens são de perder o fôlego, em muito momentos me fez lembras as incríveis fotografias dos nossos colegas do Sekai Scaping, turma, vocês estão bem na  foto! =)

outubro 14, 2009

Terrários


Há poucos dias postei aqui alguns links sobre paludários, heis que neste final de semana eu acabei me deparando com alguns posts bem interessantes sobre terrários, que nada mais são que paludários sem a fase aquática.

Diga-se de passagem que os terrários destes links são prá lá de modernos, alguns são até ecologicamente corretos por apostar no reuso de material de iluminação antigo, mas vamos deixar de conversa e ir direto aos links:
A grande vantagem dos terrários é poder aproveitar cantinhos livres e iluminados em casa, além disso são uma opção para manter aquelas plantas emersas que sobraram da última poda do aquário, mais versátil impossível. 

outubro 04, 2009

Layouts Diversos #2

Sobre aquários e fotos


Existem duas formas de se iniciar um processo criativo para o layout de um aquário plantado, a primeira e mais interessante é usar a natureza como tema, buscar um cenário e focalizar o processo criativo na elaboração de uma cena natural específica em todos os seus detalhes, como vegetação e geografia ou pelo menos, naqueles possíveis de se reproduzir.

A segunda maneira, mas nem por isso menos desafiadora, é usar um outro aquário como inspiração. A grande vantagem do segundo método reside no fato de que o desafio de representar um cena natural já foi executado, disponibilizando muitas vezes em uma simples foto detalhes da execução para alcançar aquele resultado. Muitas vezes são técnicas simples, porém muito criativas.

O aquarista que decide tomar para si um trabalho criativo e inovador deve, antes de tudo, estar atento ao que já foi feito e principalmente como foi feito. O domínio das técnicas básicas de paisagismo permite-nos  enfrentar novos desafios e enveredar por layouts que não foram explorados antes, sendo que a experiência prévia e o conhecimento das técnicas são fundamentais, bagagem obrigatória. Tenho visto muitas pessoas frustradas com o resultado das suas montagens, posso dizer com certeza que a grande maioria não está preparada para a execução dos próprios aquários, fato que se torna evidente na inexperiência que estas pessoas demostram em termos de conhecimento técnico da simples manutenção do aquário.

Aparentemente surgiu um vácuo na experiência de muitos novos aquaristas em relação ao que é um aquário e como mante-lo, o paisagismo se tornou o foco da experiência e o conhecimento técnico do aquário [química e biologia, por exemplo] ficaram absolutamente em segundo plano. Estas pessoas esquecem ou não sabem que um layout não é algo estático, uma foto bonita é apenas UM MOMENTO da existência daquele aquário, que como um ambiente vivo obedece as mesmas leis naturais que eu e você estamos sujeitos: nascemos, crescemos, evoluímos, damos frutos e em algum momento findaremos nossa existência.

Plantas aquáticas são muito dinâmicas, mesmo as mais exigentes conseguem se adaptar a fatores diversos na sua manutenção [luz, CO2, pH, nutrição, etc] com resultados variáveis no que diz respeito ao seu  desenvolvimento e florescimento. Não deveria ser tão complicado fazer as pessoas entenderem que para ter plantas exuberantes dentro do aquário é necessário que diversos fatores sejam atendidos, além disso disso é essencial conhecer s próprias plantas, suas características de desenvolvimento e necessidades ou exigências para que floresçam.

Para aqueles que estão começando ou para aqueles que já estão no meio do caminho, mas pegaram atalhos diversos, dedico esta seção do blog chama Layouts Diversos. Não é apenas uma postagem para mostrar aquários bonitos, a internet está cheia deles, minha intenção de fato é motivar, sempre que possível explicar, como estes layouts foram produzidos. Apontando páginas que possam enriquecer sua experiência como aquapaisagista.

Na observação dos layouts tente identificar as plantas e a como elas são utilizadas nestes layouts, deste modo, rapidamente você terá a capacidade de criar um layouts, tendo em vista aproveitar o máximo das características de cada planta de forma que o resultado do conjunto seja um destes fantásticos momentos de um aquário, imortalizado em uma foto e fonte de inspiração para muitos outros aquapaisagistas.

Boas montagens!

  • Forest Enchanted por Albert - Aqui o aquaristas mostra o resultado do uso de várias peças de galhos em um layout bem interessante, muitas pessoas perdem um tempo enorme na busca do tronco perfeito, alguens tem mais sorte, outros seguem esta dica de usar várias peças pequenas para formar um conjunto hamonioso.
  • Chuppy's 90cm Ongoing Journal por AnDrew- Na mesma linha do anterior, na utilização de troncos, com belíssimo resultado.
  • 75 gallon rimless por Matt - Uma das dúvidas mais recorrentes entre aquapaisagistas é qual carpete utilizar em cada montagem, você precisa mesmo de uma só planta carpete tendo tantas alternativas?
  • 350L Plantado Vs Discos ' Aquajournal - Amazonic por FAAO - Isto é o que posso chamar de postagem completa, o Felipe mostra não só como montou o layout, ele mostra como construiu o aquário. Este Felipe sempre consegue impressionar a gente. Go Felipe!
  • 200G Mixed South America and Asian por  Jeroen - O melhor de dois mundos em um só, mas isso é um Nature, um Biótopo ou Holandês? Vários detalhes são Natures, os conjuntos são similares aos holandeses e a inspiração é amazônica. Que Mix!!! Discussões a parte, o aquário ficou muito bom.
Um link de brinde, seguindo a linha da postagem anterior, um paludário em desenvolvimento:

É isso ai pessoal, até o próximo Layouts Diversos.

.

outubro 03, 2009

Paludários

Eu sempre costumo dizer que paludários e vivários unem o melhor de dois mundos: o meio aquático e o mundo emerso.


Infelizmente aqui no Brasil este não é um tema tão popular, muitas vezes sobra curiosidade sobre o assunto e falta conteúdo, além disso diversos itens da fauna para estes ambientes, como sapos, salamandras e rãs, ou não podem ser importados do exterior ou não podem ser capturados dentro do nosso território, uma limitação que nem por isso torna possível achar criadores comerciais regularizados, eles existem?

Mas como este tipo de projeto não precisa se limitar a sua fauna como motivo de execução, ainda assim é uma solução muito atraente e até mesmo exótica para se ter em casa. Os resultados podem variar muito, mas uma coisa é certa: com um pouco de estudo e dedicação é possível fazer coisas simplesmente fantásticas com plantas higrófilas.

Há muito tempo eu achei o site Vivaria.nl é um site comercial, sim, mas tem muita, muita informação boa, vale a pena dar uma consultada se você quer entender melhor e se arriscar por mais este universo. Uma excelente ferramente para quem tem problema com o idioma é o www.google.com/translate

  • Vivaria.nl - Site especializado em execução de vivários e paludários.

As galerias de fotos são muito bem recheadas de exemplos do que se pode fazer. Tentador.

Outro site muito rico em material é o Victri.net onde inclusive existe um passo a passo muito interessante para quem quiser motar um paludário, vale a pena ver:
  • Victri.net - passo a passo de montagem de paludário.
A imaginação é o limite. Explore os dois sites desta postagem, tem muito material em ambos.

.

outubro 02, 2009

Acquario Ceará

31 de julho de 2010.
Esta é a data oficial na qual se espera que o Acquario Ceará seja inaugurado.

Acquario Ceará

O Acquario Ceará, o qual será construído no antigo prédio do DNOCS, na Praia de Iracema, será o primeiro aquário internacional da América Latina. O equipamento, de cunho científico-educacional, se tornará um importante atrativo de visitação, fortalecendo assim o turismo do Ceará.

Orçado em R$ 250 milhões, com 21,5 mil metros quadrados de área construída e tanques com capacidade para 15 milhões de litros, o Acquario Ceará é um dos mais importantes investimentos do Governo do Estado. As obras devem ser concluídas até julho de 2010.

Além da localização privilegiada e do espaço contemplativo, o Acquario terá em seus quatro pavimentos áreas de lazer, dois cinemas 4D, simuladores de submarino, equipamentos que proporcionam interação entre público e aquário e túneis submersos que levarão os visitantes ao interior do tanque de animais marinhos.

Para o secretário do Turismo Bismarck Maia o aquário será mais um diferencial para o estado em relação a outros destinos turísticos. "Tenho convicção de que esse equipamento mudará o perfil do Estado. Ele se posicionará no mundo inteiro como um local que deve ser conhecido”.

A previsão é que o equipamento receba, anualmente, 1,2 milhões de visitantes, gerando uma receita de R$ 21,5 milhões. Para a economia local, o impacto no mercado de trabalho será de 150 empregos diretos, 1.600 indiretos e 18 mil empregos na cadeia produtiva.

Se haviam dúvidas quando a grandiosidade do projeto creio que elas foram por água abaixo, desculpe o trocadilho! Mas é impressionante e além de qualquer uma das propostas que eu tenha visto no Brasil, incluindo o recém lançado projeto do Aquário de Cuiabá, que é bem futurista também, além do tão falado aquário do Rio de Janeiro.

O vídeo a seguir apresenta um pouco do equipamento, fantástico equipamento, e destaca principalmente a arquitetura e a integração ao espaço que já existe na Praia de Iracema.


O equipamento, conforme mostrado no vídeo, inclui túneis submarinos, deck com painel gigante de observação, minissubmarinos, amplos ambientes oceânicos, galerias da vida marinha, salas interativas educacionais, cinema 4D, simuladores, tanques de toque, espaço para feiras e eventos, restaurante, grande área externa a beira mar.




No vídeo abaixo é apresentado o cronograma de instalação do Acquario.



Preciso dizer que estou ansioso? =)

.
Related Posts with Thumbnails