fevereiro 12, 2011

Seria o Aquascaping a mais nova forma de Arte?

Algumas pessoas já responderiam essa pergunta com um sonoro sim, eu inclusive.

Ao longo dos anos temos vivido um avanço incrível nas técnicas usadas para manter um aquário, motivo pelo qual hoje é possível manter uma variedades enorme de organismos em nossos tanques, dos mais exóticos crustáceos as mais exigentes plantas aquáticas. 

No entanto, eu não saberia dizer que aquário está no topo desta evolução. Seria um aquário capaz de induzir a reprodução de um peixe que anos atrás supúnhamos impossível de reproduzir em cativeiro ou um aquário plantado estilo Nature Aquarium e sua beleza natural quase etérea? Abro a reflexão mas fujo desta discussão. O fato é que o Aquascaping, assim chamada a capacidade de criar ambientes aquáticos envolvendo diversas técnicas e elementos de composição, alcançou um patamar impensado de desenvolvimento e, não obstante, fez de muitas pessoas sem qualquer pretensão artística expoentes dessa arte singular. Que o diga os famosos campeões de concurso como o IAPLC ou os membros de grupos como o CAU AQUA.

O que poderia faltar para tornar o Aquascaping uma arte com reconhecimento público não falta mais, aqui mesmo no Brasil já é possível visitar exposições que contam com aquários preparados exclusivamente para isso, a exposição Água na Oca é nosso melhor e mais recente exemplo. Do outro lado do atlântico, mais precisamente na Inglaterra, iniciativas do mesmo fim estão tirando os aquários das salas de estar (emprestados, claro) e levando-os para galeria de arte, aquários plantados alçados a uma posição que nem sonhamos chegar um dia.

Não é difícil ficar fascinado com a beleza de um aquário, isso nós já sabemos de cor, mas por maior que seja seu status artístico o aquascaping é uma das formas mais democráticas de arte, dada a sua acessibilidade. Por mais caros que sejam os setups com toda a parafernália tecnológica que nós adoramos, e são mesmo excelentes, sabemos que é possível praticar o aquascaping com recursos bem mais limitados sem comprometer os resultados.

Você pode conferir o artigo original sobre a exposição de aquascaping em galerias de arte da Pratical Fish Keeper online clicando aqui. O vídeo você confere abaixo:


Qual será o próximo passo?

4 Comentários:

Pablo Góes disse...

Belo poste, essa leitura me fez resgatar vários conceitos que já havia perdido o foco..

Xylema disse...

Quem viu o vídeo percebeu aqueles três nanos que parecem formar um único layout que foi dividido em três? O efeito ficou fabuloso!!!

Bartolomeu Silva disse...

Vou ser sincero, eu não vi há primeira, está um show!
Concordo plenamente com o que escreveu em seu artigo. Mais uma vez está de parabéns!

Luca Galarraga disse...

Olá Alex!

Fabuloso post!
Vou espalhar pelo twitter ...

Abraço

Luca

Postar um comentário

Obrigado por comentar!
Todos os comentários serão lidos e só então aprovados para publicação, ou não.

Related Posts with Thumbnails