fevereiro 02, 2012

Areia Cosmética


Típica areia de rio do Brasil?
A areia é um dos itens essenciais de composição do Nature Aquarium, sua utilização hoje extrapola a sua função primordial de substrato para fixação e suporte das plantas e para os demais elementos de composição do layout, como pedras e troncos. A areia nos mais diversos tons de cores naturais é hoje uma importante elemento de composição de um layout plantado. Na foto ao lado que se vê é a Mekong Sand da ADA que evidentemente seria confundida com nossa areia de rio em qualquer lugar.

Mas afinal, o que é Areia Cosmética?

La Plata Sand
Esse termo surgiu no Japão para designar as areias de cores diversas usadas na camada superior do substrato como elemento cosmético, ou seja, como elemento de composição do layout do Nature Aquarium, o termo foi cunhado pela ADA que é responsável pela popularização da técnica de composição de substrato com areias de cores diferentes.

Com o passar dos anos, e a introdução e domínio do padrão estético japonês no aquarismo plantado do ocidente o mundo foi apresentado as novas técnicas de produção de layouts, incluindo ai a elaboração do substrato, também foram surgindo opções diferenciadas de areias que tiveram sua função estendida: a areia tem função decorativa ou como lá se diz ela tem função cosmética na elaboração de um layout. Por aqui as novidades mais recentes, leia-se na ultima década, foram as areias de quartzo e o substrato de basalto.

Colorado Sand
As areias de filtro, como são popularmente conhecidas, são constituídas de quartzo que é um elemento neutro em relação ao pH do aquário, podem ser achadas com grãos em diversos tamanhos (são vendias por numeração, começa na 0 que é a mais fina e vai até a 5 que tem grãos bem grandes) além disso podem ser encontradas em diversas cores variando do marron claro, caramelo, branco, amarelo e até rosa ou roxo claros, cores típicas do quartzo. Nas duas imagens ao lado dois exemplos da ADA com aparência típica das areias de quartzo vendidas em qualquer loja.

O cascalho de basalto possui cor preta sólida e, como o nome sugere, é um cascalho de grãos relativamente grandes e irregulares. Também é inerte e não afeta o pH do aquário, empresta profundidade ao layout devido a sua cor bastante escura. É uma opção surgida para acalmar a febre de muitos que queriam alguma opção de substrato escuro, algo que pudesse ser visualmente parecido com os substratos estrangeiros de grãos escuros, como o ADA Congo Sand ou o Onyx SandFlourite Black da Seachem.

De acordo com a sua textura e cor a areia pode mudar completamente a atmosfera geral do aquário, areias de tons escuros são mais sóbrias e dão mais peso e profundidade a composição, areias de cores claras dão sensação de  frescor, suavidade e amplidão. Já as cores ocres em tons de amarelo e vermelho dão um toque de exotismo, calor e de natureza selvagem, mas claro os resultados podem variar de acordo com a utilização que se der a cada uma delas, por isso é muito importante o planejamento e a escolha adequada da areia que será utilizada a fim de não compromete o seu projeto.

No mercado nacional começamos a contar com opções industrializadas, já existem duas opções sendo oferecidas pela MBreda, sendo elas a BlackBlue de cor negra e a nova Nature Sand de cor marrom escuro que foi lançada no começo de 2012. São produtos industrializados onde o substrato é recoberto por uma película de resina resistente e inerte que proporcionam um acabamento suave e uniforme aos grãos. Confira:

BlackBlue vs Nature Sand
Areias cosméticas a disposição, já pode começar o seu projeto! ;)



1 Comentários:

Pablo Góes disse...

Muito bom Alex!!!

Postar um comentário

Obrigado por comentar!
Todos os comentários serão lidos e só então aprovados para publicação, ou não.

Related Posts with Thumbnails